Plataforma Educativa Repsol Sinopec fecha sua 10ª temporada em Ubatuba

Nesses dez anos, o programa visitou 27 cidades e, em parceria com a Marinha, formou mais 1.200 profissionais que trabalham com pesca e turismo.
download

Programa itinerante de educação voltado para o desenvolvimento das comunidades litorâneas, a Plataforma Educativa Repsol Sinopec acaba de chegar a Ubatuba, São Paulo, onde está completando seu 10º ciclo de atividades. Nesses dez anos, o programa visitou 27 cidades e, em parceria com a Marinha, formou mais 1.200 profissionais que trabalham com pesca e turismo, por meio dos cursos POP (Pescador Profissional) e MAC (Marinheiro Auxiliar de Convés), além de ter atendido mais de 23.000 pessoas com seus cursos, campanhas de saúde e demais atividades.

É a sétima vez que a Plataforma Educativa Repsol Sinopec visita a cidade, onde fica até o dia 31/10. A programação começa com o curso POP – Pescador Profissional, em parceria com a Marinha do Brasil. Depois haverá a atividade de educação ambiental EnTenda o Lixo, realizada pelo Instituto Costa Brasilis e o Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IOUSP).

“Nestes dez anos foram diversas atividades de cunho educacional. De cursos profissionalizantes a palestras sobre preservação ambiental e campanhas de vacinação. Por meio do programa, a Repsol Sinopec Brasil atua como mediadora e indutora de benefícios socioeconômicos para as comunidades locais, fortalecendo o exercício da cidadania entre as diferentes partes envolvidas”, diz Beatriz Giacomini, gerente de Comunicação e Relações Externas da Repsol Sinopec.

A unidade móvel da Plataforma Educativa está no Mercado de Peixes, que fica rua dos Pescadores, 123 – Centro, Ubatuba, São Paulo.

Veja abaixo mais detalhes sobre os cursos e atividades.

 

POP – Formação de Aquaviários Nível 1 – Com o diploma do curso, os participantes ficam habilitados a tirar a Caderneta de Inscrição e Registro (CIR), exigida pela Marinha do Brasil para exercer a profissão de pescador. De 7 a 18/10.

 

EnTenda o Lixo – Conversa sobre questões relacionadas ao lixo marinho, tipos de resíduos, possíveis origens e ações necessárias para a mitigação e solução do problema. Com equipes do Instituto Costa Brasilis e do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IOUSP). Para estudantes e professores. Inscrições na unidade móvel da Plataforma Educativa. De 21 a 25/10, de 9h às 12h e 14h às 17h.



Assessoria de Imprensa